Thursday, October 26

Cada lugar teu





"Sei de cor cada lugar teu
atado em mim, a cada lugar meu
tento entender o rumo que a vida nos faz tomar
tento esquecer a mágoa
guardar só o que é bom de guardar

Pensa em mim protege o que eu te dou
Eu penso em ti e dou-te o que de melhor eu sou
sem ter defesas que me façam falhar
nesse lugar mais dentro
onde só chega quem não tem medo de naufragar

Fica em mim que hoje o tempo dói
como se arrancassem tudo o que já foi
e até o que virá e até o que eu sonhei
diz-me que vais guardar e abraçar
tudo o que eu te dei

Mesmo que a vida mude os nossos sentidos
e o mundo nos leve pra longe de nós
e que um dia o tempo pareça perdido
e tudo se desfaça num gesto só

Eu vou guardar cada lugar teu
ancorado em cada lugar meu
e hoje apenas isso me faz acreditar
que eu vou chegar contigo
onde só chega quem não tem medo de naufragar..."

Mafalda Veiga

5 comments:

Maria said...

Lindo e profundo.
A Mafalda Veiga tem letras que são poemas autênticos. Dignos de um livro editado.
São muito inteligentes, tocam-nos, emocionam.

I beijo enorme da mana :)

Ana said...

É verdade:)
Eu perco-me ao ler as letras dela.
Beijos imensos!

skywalker said...

É uma das minhas músicas favoritas... Uma das músicas que mais me diz...
:)

Anonymous said...

Sei os teus seios. Sei-os de cor.


Alexandre O'Neill

Ana said...

Eu sei que sabes,querido... Eles e tanto mais. Besos