Friday, December 15

Hurricane...



Vvvveee...

Aqui estás
agitando ainda mais o meu corpo e espírito.
Vieste para ficar
mesmo sem o dizeres
ou saberes.

E...
Zás!
Plim, plim, plim!
Quando pensei que não podia ser mais forte
Sopraste-me ao ouvido
o vento mais intenso
que alguma vez julgara poder ouvir.

Furacão, furacão...
O que ficará,
o que mudará,
o que nascerá quando o tempo se alterar?

Pic by_ Djoe

3 comments:

7v!RuS said...

até podia comentar qualquer um deles,espetaculares! Mas este acho particularmente expressivo, Brutal :-)
estive a ler tinha que o dizer, acho k a escrita é só um esboço da nossa expressão.continua a imaginar muito,
fika bien miga.
hasta luego...

7v!RuS said...
This comment has been removed by a blog administrator.
Ana said...

Obrigada, amigo.
Talvez seja brutal, porque o sentimento que mo fez escrever também o seja.
Concordo com o que dizes... É por isso que me vou refugiando na escrita.
Um abraço.