Wednesday, April 16

A Fada e o Feiticeiro

Encho-o de beijos de mel,
de olhos arrebatadamente apaixonados
de gestos ora acetinados e delicados,
ora aveludados e quentes, querubim.

Diz-me que sou uma fada
e fita-me com o olhar encantado
como se houvesse magia em mim.

Ofereço-lhe as borboletas,
as flores silvestres e campestres
que brotam do meu coração.

Dá-me sorrisos de perlimpimpim
O céu imenso e as estrelas,
os mares selvagens e rios doces
e dá-me tudo o que sou, apenas, assim.


Lanço-lhe um sorriso de varinha mágica...
... e ele retribui-me com um olhar de feitiço negro.

11 comments:

Sei que existes said...

O amor é algo único e de difícil explicação...
Beijocas grandes

MR. HEAVY said...

bonito...

D@rk @ngel said...

Que delicia ...
Ele vê em ti uma fada de amor!!!
Beijo doce

S. said...

e eu derreto-me ao sentir o sopro deste encontro, minha pequena fada!

andorinha said...

Magia ou feitiço, o amor é assim.

Peach said...

Há algo mais mágico que o amor e a paixão? Não acredito!

um beijo

~pi said...

nada de explicável: o tudo

mais próximo de nada... :)

Celso Rosa said...

Às vezes, de noite, lembro-me de ti e pergunto: mas onde anda esta que não sabe que tenho um e-mail?
(Que por sinal está no blog)
Beijo

Ana said...

Às vezes de noite, lembro-me de te vir ler. Encontro um céu imenso e um manto de estrelas, em forma de poema.
Um beijo.

Vladimir said...

o amor leva-nos onde nada mais nos consegue levar....

Sr do Vale said...

Lança esse sorriso pra cá que vou pegar.

Abraços.